segunda-feira, 17 de novembro de 2008

O resumo...

Dia 16.11.2008
Hoje estive pensando comigo mesmo de onde vem esta busca eterna de provas, de submissões e testes que passamos no dia a dia. Vejo isso como se fossem testes, diários, constantes, que nos acabam realizando um "julgamento" sobre nós mesmos, fazendo cada um de nós pensar sobre nossos atos, sobre nossas decisões, sobre as incoerências vividas e pensamentos nunca atingidos. Vivemos de provas! Sim! Provas massacrantes que marcam cada um de nós pela maneira que somos e convivemos com as pessoas, diariamente, o nosso lado. E porque tudo isso? Porque esta busca, esta insanidade mental de sermos assim, apreciados por testes, vivendo sobre pressão e consubstanciando isso em nossa existência? Porque cravamos dentro de nós um perfil padrão que pensamos que não poderá ser quebrado diante da criação própria da rotina de cada um? Porque atingimos uma época que sentimos que estamos estagnados no tempo, parados e serenos, sabendo que algo pode acontecer mas não movimentamos um passo se quer para que realmente faça acontecer?

O mundo está ocioso e posso afirmar que ele anda cansado disso! Vemos diariamente as provas que ele demonstra para nós sobre as possibilidades de sermos aquilo que sonhamos, de viver e de nos alertar sobre os acontecimentos futuros. É época de pensarmos sobre as possibilidades que antes achávamos incrédulas, com pensamentos que nunca tínhamos que poderia acontecer no mundo atual. E o mais interessante é que deixamos que esta mentalidade medíocre que temos é pouco demais para nós! Estou cansado e farto de saber que pessoas estão se contentando com o pouco que sabem, se lamentando que não são merecedoras e fechando seus olhos para o simples e deixando o que é verdadeiro passar... E digo isso de boca aberta: coisas simples, humildes e belas, que nos rodeiam no dia a dia estão sendo deixadas para tráz! Pergunto-me: Atualmente essas pessoas que vivem neste plano astral da materialidade conseguem viver em paz? E não basta sabermos de tudo isso, se o fator da vida é justificado quando paramos para pensar e perguntamos pra nós mesmos:

- O que levo deste plano astral, desta minha vida?

E muitos responderão de diferentes formas, com diferentes argumentos e diferentes sustentações sobre nossos olhos e nossas almas! Mas o que levamos é mais simples do que pensamos. É mais completo do que imaginamos e mais saudável do que qualquer bem que adquiriu durante este espaço de tempo que viveu aqui na terra. Se não bastasse o tantos fatores posso enumerar alguns:

1. A oportunidade de ter nascido dentre os milhões de outros pretendentes. Daí nasce somente uma razão: o propósito de sua vida. A sua razão nasceu a partir do consentimento geral de todos os cosmos de estar aqui e desfrutar de algum conhecimento que ainda não foi suficiente em outros planos;

2. A grande experiência de aprender e conviver com as pessoas queridas desta vida. Mesmo sabendo que existem outros seres que estão acompanhando a sua existência, você tem a opção da escolha, de saber escolher o que verdadeiramente quer e saber ainda distinguir os seus defeitos de suas virtudes, o que gera para si o conflito da sabedoria. Saber lhe dar com os problemas que você mesmo criou e que está aqui justamente para um único fim: solucioná-los;

3. Você ainda tem a experiência de sentir o gosto do tempo transparecer nas suas veias e durante o pequeno-longo caminho de sua jornada. Ainda penso que o termo “tempo” é inadequado pra aqueles que vivenciam todos os momentos que são proporcionados em suas vidas, mesmo porque foi invenção o próprio ser humano estabelecer a mensuração do espaço! Mas para aqueles que buscam a sabedoria para dentro de si, sentem que isso é apenas um mero detalhe que realiza justamente o traçado de seus planos para um meridiano superior: a concretização;

4. O mais gostoso ainda de saber que você é um tremendo sortudo, que você pode vivenciar os momentos disponíveis, descobrir seus defeitos, aperfeiçoar suas virtudes e crescer na sua personalidade. E é justamente sabendo que você cria um vínculo extraordinário com as pessoas que ajudam e dão suporte durante toda esta fase que se torna mais prazerosa sua passagem. E aqui não entra os fins e os meios que você conseguiu realizar isto, e sim o começo! A criação de amigos queridos e de pessoas que sentem e que existem um carinho especial por você é o presente dos males que sofre aqui. Para tudo existe uma recompensa. para tudo existe uma situação que foi criada e que será colhida, e os amigos é justamente a colheita daquilo que plantaste de bom durante a sua experiência vivida. E dentre amigos (que possui um significado meramente extenso) estão todos aqueles que realmente te amam. E olha... são muitos, mesmo que ainda você não perceba e sinta isso;

5. O mais engraçado disto tudo é a origem dos acontecimentos. E quando me refiro a origem, cito o único fator modificador de tudo: Deus. E aqui entra também várias definições de “Deus”, para diferentes tipos de pessoas e crenças. Mas prefiro citar Deus como sendo o acontecimento primário e a razão de tudo, de cada fator e de cada movimento. Deus é o que você está vendo agora. É ainda aquilo que não viu, mas sentiu; o que presenciou mas não engoliu; e a sombra que te acompanha e que sempre esta presente em todos os acontecimentos, pensamentos e atividades. É o elo entre a razão, a alma e a matéria. Mas é a distinção justamente do querer certo da futilidade inútil. É ele quem abre seus olhos, te faz pensar e te guia através da intuição que lhe é imposta a cada dia.

6. E para apimentar a sua existência existem todos os tipos de sentimentos que se pode provar! Amor, inveja, ódio, ganância, felicidade, prosperidade, satisfação, ciúmes, fé, prosperidade, compaixão, medo, repugnância... Sentimentos que nos tornam seres humanos de coração e não máquinas pré-operacionais que ditam normas e regras para o óbvio e para a aniquilação do pensamento. São os sentimentos que nos ditam e nos resgatam quem nós fomos e quem estamos sendo hoje; que nos falam de nossas melhoras espirituais; que nos guiam pelos caminhos longínquos da sabedoria e nos dizem o que fazer, o quando fazer e o porque de fazer.

Provas.... o mundo é feito de provas e esta palavra é digna do ser humano que o criou. Mas o que mais gosto das provas é a justificativa que elas nos proporciona no dia-a-dia que justificam não somente os seis fatores, mas todas as dúvidas que carregamos em nossos corações. As provas justificam o propósito de nossa vida, que nos fazem pensar e modelar nossa personalidade para aquilo que justamente pensamos em fazer. É justamente a distinção de saber que através delas somos capazes de tudo, mas não de uma maneira isolada, autônoma e padronizada. As provas nos demonstram que podemos tudo, que o seu sentimento está ligado ao meu e suas necessidades são as minhas também. Diariamente vemos isso e não percebemos: somos todos um, somos todo um só ser caminhando para o mesmo fim. As indiferenças existem justamente para podermos ajudarmos uns aos outros; para nos complementar nas experiências de vida e nas junções que ainda não foram completas pelas experiências de vida de cada um de nós. Somos diferentes, mas somos todos um. As provas, o propósito, sua sorte, sua vida, Deus, sentimentos, razão, experiências a questão do tempo, e o amor são todos justificados em um só ponto: evolução. O que posso deixar para vocês é justamente uma pitada de sentimentos e reflexão. Pergunto:

- Quais os passos que você está dando para a própria evolução? Quais os caminhos que está percorrendo? Está apreciando o que realmente necessita para o seu próprio bem? O que tem feito para a contribuição direta com a natureza? O que anda comprando para a sua alma para seu crescimento espiritual? O que levaria consigo para a eternidade? Como tem alimentado a alma de seus verdadeiros amigos? Como estão as batidas de seu coração? Já parou para sentir a força e o poder dos astros e estrelas em sua vida?
Responda-me, por fim:

- Você se sente realmente vivo?

As fotos foram tiradas na "Pedra Balão" em São João da Boa Vista, Estado de São Paulo, com o grupo Adventure Beer na tarde de um domingo com paz, luz e um maravilhoso pôr-do-sol. Para ver a galeria completa, clique aqui.

Dica: veja a galeria de imagens, no topo da página do lado direito, título "Flickr - Minha galeria de fotos", clicando nos respectivos links de seu gosto.

Um comentário:

Celsao disse...

Mestre Udex sem palavras pra descrever td q foi dito e explicado nesse belo texto energetico , pura energia , lindo demais e nao tenha duvida q o caminho e esse mesmo , e com pessoas como vc fica bem mais facil passarmos por essa existencia .
Um gde abrax meu irmao, amei o texto. Cum Deus